Plano Regional de Coletas Seletivas Múltiplas pretende mudar forma de lidar com o lixo

Iniciativa visa gerar emprego e renda, além de preservar o Meio Ambiente

Plano Regional de Coletas Seletivas Múltiplas pretende mudar forma de lidar com o lixo

Mudar o conceito de lixo, que é transportado para aterros sanitários, para resíduos sólidos que são reaproveitados, gerando emprego renda e deixando de interferir negativamente no meio ambiente. Essa é a proposta mestra do Plano Regional de Coletas Seletivas Múltiplas apresentada na noite de quinta-feira, 19 de janeiro, no auditório Mário Covas Júnior do Centro de Convenções Circuito das Águas, em Serra Negra.

A iniciativa é do Consórcio Intermunicipal de Saneamento Básico do Circuito das Águas que, atualmente, agrega 13 cidades: Águas de Lindóia, Amparo, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Morungaba, Pedra Bela, Pedreira, Pinhalzinho, Serra Negra, Socorro, Toledo (MG), Tuiuti e Vargem. O plano trata de soluções para a gestão e manejo de resíduos sólidos urbanos com envolvimento da cadeia produtiva em processos de economia circular.

A proposta foi apresentada pelo diretor da I&T Gestão de Resíduos Tarcísio de Paula Pinto, empresa contratada do Sebrae-SP para apoio aos consórcios Tarcísio de Paula Pinto. “O plano que foi desenvolvido para o Cisbra tem um grande objetivo que toda população poderá auxiliar: parar de colocar resíduo em aterro; onde só gera problema, só devolve impacto para todos em termos de mudança climática. Com isso, vamos transformar resíduo em valor. O plano foi elaborado reconhecendo custo de embalagens, composto orgânico. Tudo vai entrar em ação agora. Vamos parar de jogar dinheiro fora em aterro distante, transformando em fonte de fortalecimento dos negócios locais. Serra Negra tem boas instalações que podem recuperar esses materiais. Esses empreendedores estão sendo convidados a participar, contratar mais gente, assumir mais resíduos e transformar em resultado econômico para a cidade, não mais em resíduos gerando gás de efeito estufa em aterros distantes. Em essência, o plano é esse”, disse.

Cerca de 200 pessoas compareceram, entre autoridades públicas, incluindo prefeitos e vereadores das cidades consorciadas, representantes de cooperativas de coletores/catadores e ambientalistas.

O Prefeito Elmir Chedid foi o anfitrião do evento. Ele estava acompanhado do Chefe de Gabinete Rodrigo Demattê e do Secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Wanderlei Lona e do assessor Osmar Stacheti. Do Poder Executivo também compareceram o Secretário de Obras e infraestrutura Danilo Garcia, de Agricultura e Desenvolvimento Rural Berenice Del Buono, de Serviços Municipais Paulo Sete e de Esportes e Lazer Danilo Mainente. Pelo Poder Legislativo acompanharam o evento os vereadores Anna Beatriz Scachetti, Beraldo Cattini e Roberto Almeida.

Elmir Chedid deu as boas-vindas aos presentes, fazendo referência especial ao presidente do Consórcio: “Parabéns Edson Rodrigo (Prefeito de Monte Alegre do Sul) e todos os funcionários, que têm feito um excelente trabalho. Parabenizo também todos os prefeitos pelo comprometimento em oferecer os melhores serviços com os menores custos possíveis às suas cidades”, disse. “Temos que cuidar das nossas estâncias para não perder aquilo que Deus nos deu de mais importante que é o nosso meio ambiente: florestas, árvores, fontes que encantam nossos turistas. É importante que todos estejam cuidando do meio ambiente, como está a região”, finalizou.

Atual Presidente do Cisbra, o Prefeito de Monte Alegre do Sul Edson Rodrigo Cunha falou em compromisso assumido pelos municípios associados. “Todas as 13 cidades que compõem o Cisbra selam aqui o compromisso de diminuir o lixo, reaproveitar cada vez mais os resíduos sólidos, gerar emprego, ampliar as questões de cooperativas. Saímos daqui propondo algo interessante. O Cisbra está fazendo o seu papel, mas precisa que cada habitante entre junto para resolvermos esse problema de lixo e saneamento”, comentou. “Nada seria possível se não tivéssemos essa abertura da Prefeitura de Serra Negra recebendo esse evento. Não há como ter saúde sem tratar adequadamente nossos resíduos. Obrigado ao Prefeito anfitrião Elmir, parabéns aos 13 prefeitos”, finalizou.

Ministério Público

Integrante do Grupo de Atuação Especial de Defesa do Meio Ambiente (Gaema) do Ministério Público do Estado de São Paulo, o Promotor de Justiça do Rodrigo Sanches Garcia mostrou-se animado com o plano. “É com muita expectativa que recebo essa revisão do Plano do Cisbra. O primeiro plano já era bom. Mas por diversos motivos não foi implantado na sua totalidade. Esse plano vem agregar novas informações, novas ideias, inserindo o sistema de economia circular que tanto se discute hoje, como uma das formas de apoiar a economia local e fazer com que esses resíduos, efetivamente, tornem-se valores agregados na modalidade de economia circular”, disse. “Avançando em sua implementação, deve servir de modelo para outras regiões do estado, motivo pelo qual acompanharemos com bastante expectativa”, completou.

Uma plataforma para você gerenciar o site da sua prefeitura.